Sexta-feira, 2 de Março de 2007

Maria Eduarda e Carlos da Maia: um teatro de fantoches!

Saúdo-vos de novo, caros leitores cibernáuticos!

Trago-vos desta vez, um verdadeiro achado: um excerto d'Os Maias, transformado em teatro de fantoches! As coisas que imaginam para enaltecer a minha, já de si magnífica, obra!

Uma cena de ternura entre Carlos da Maia e Maria Eduarda, definitivamente a não perder!

Despeço-me e desejo-vos bons "visionamentos", como costumo dizer!

Por José Maria Eça de Queiroz às 21:05
Link do post | Comenta! | Adicionar aos favoritos

Sobre a minha pessoa


Perfil

Amigos?!

. 1 seguidor

Pesquisar neste blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Obras Primas Recentes

Poema - por Ímpeto

Regresso, uma vez mais...

Maria Eduarda e Carlos da...

Correio Electrónico @ II

Um tesourinho!

Totalmente Exausto...

Sangue n'Os Maias!

Produções Literárias apre...

Os Maias: por dentro da o...

Os Maias (para principian...

Arquivos Bolorentos

Março 2007

Fevereiro 2007

Etiquetas

todas as tags

Links

blogs SAPO

subscrever feeds